Fadas do Deboche

  • Home
  • Fadas do Deboche

Origem

No meio midiático, o termo spin-off é designado para identificar produtos derivados de uma ou mais obras já existentes. Pode-se dizer que este é o caso do meme em questão. As Fadas do Deboche são personagens emblemáticas que tiveram sua primeira aparição online, em um vídeo de outra personalidade já bastante conhecida pelos internautas: a Missionária Vitória de Deus.

Em um dos vídeos de pregação da pastora mirim, as duas meninas roubaram a cena e ganharam destaque devido às reações debochadas de ambas aos trejeitos de Vitória, o que as garantiu seu próprio meme.

Também conhecido como Deboche Girl, o meme surgiu nas redes no mês de abril deste ano e, como a gente bem sabe que a internet adora um deboche, ele rapidamente viralizou através, principalmente, do Twitter.

Gênero & Formatos

Durante o início de sua circulação, o meme era encontrado, majoritariamente, em formato de GIF, criado a partir do vídeo que inseriu as fadas do deboche nas redes – além de imagens estáticas capturadas da gravação. Em ambos os formatos, percebemos evidentes características de um Reaction Face clássico, além de certos traços de trolling. Com o tempo, foram surgindo novas imagens estáticas das meninas reproduzindo as expressões de reação que as tornaram populares.

Personagens Recorrentes

As grandes protagonistas do meme chamam-se Erivânia Santos e Edivânia Santos (sendo a primeira a mais nova, que aparece logo no início do vídeo e, a segunda, a que aparece mais para o final dele). Durante o início da circulação do meme, muitos usuários identificaram as duas meninas como amigas, mas depois descobriu-se que, na verdade, elas são irmãs.

Difusão e Repercussão

Nada se sabia sobre Erivânia e Edivânia quando o meme surgiu, o que despertou o interesse de um portal de entretenimento em descobrir mais sobre elas. Assim, o Mixturando publicou uma matéria contando um pouco sobre quem eram elas e destacando as condições precárias em que viviam. Como consequência, foi criada uma Vakinha (através da plataforma de crowdfunding homônima) para coletar doações para a família das meninas, o que gerou muita polêmica e acusações de fraude, embora a ação tenha seguido normalmente – chegando a ultrapassar o valor inicialmente arrecadado.

Após a matéria, surgiu o perfil @fadasdodeboche no Instagram, por onde as meninas começaram a entrar em contato com o público online. No YouTube e no Twitter, começaram a circular também versões “covers” de pessoas reproduzindo o vídeo original que popularizou as meninas. Além disso, outra repercussão em torno do meme foi um vídeo feito pela Missionária Vitória de Deus em resposta à reação debochada das irmãs a sua pregação.

Ficha técnica

Criador(a)
Desconhecido (a)
País de Origem
Brasil
Período de Circulação
c. 2018 - c. 2019 - c. 2020 - c. 2021
Plataforma
Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry.
Formatos
Reactions
Mídia
Imagem e GIF
Referências
Chaves, BBB, Novelas, CPI da Covid etc.

Exemplos Notáveis

Sobre o(a) curador(a) desta coleção
Esse Dedeco foi Longe Demais
0 entries
0 comments
Name
Andrews
About / Bio
Graduando em Estudos de Mídia, na UFF, Dedeco é especialista em divas pop e em discutir na internet usando memes da Tulla Luana. Viciado em xingar muito no Twitter, comentarista do "BBB" nas horas vagas, ele decidiu somar seus conhecimentos à equipe de voluntários do projeto #MUSEUdeMEMES, mesmo que alguns achem que não passa de mais um plano do PT e da Globo.
Logo

About Us

Get Consultation

Contact Us